Jurídico distribui MS coletivo contra Humberto Baptistella

Intenção é que o coordenador da CGA se abstenha de tentar impedir manifestações na Sede

Após inúmeros episódios vivenciados pelos colegas AFRs que trabalham na sede da Secretaria da Fazenda, que demonstraram a intenção clara do coordenador da Coordenadoria Geral da Administração, Humberto Baptistella Filho, o departamento jurídico do Sinafresp distribuiu o Mandado de Segurança com a intenção de que ele se abstenha de tentar impedir as manifestações sindicais dentro do prédio.

Três fatos caracterizam a conduta antissindical do coordenador da CGA e mereceram especial atenção e tratamento do Departamento Jurídico: Os cartazes ameaçadores afixados no interior do Edifício Sede da Sefaz; a filmagem da “Paradinha” efetuada por um funcionário da CGA que se recusava a se identificar; a chamada da Polícia pelo coordenador durante uma das paradinhas com o claro intuito de impedir as manifestações e constranger os colegas.

O Departamento Jurídico atuou em todas as situações citadas acima, oficiando a CGA para retirada dos cartazes, comparecendo nas paradinhas mencionadas, e acompanhando os representantes da Sede na Delegacia para a lavratura de um Boletim de Ocorrência contra as condutas do coordenador.

Além disso, propôs-se um Mandado de Segurança com o intuito de garantir a realização das manifestações sindicais no interior do edifício, especialmente para impedir que a CGA haja no sentido de impedir as manifestações sindicais.